MEMORIZAÇÃO

Memorização.


    Você seria capaz de memorizar várias páginas de um livro, poder dizer com toda certeza a página que se encontra determinado assunto ou imagem, recordar uma sequência 50 palavras ou números ou ainda memorizar o calendário do ano corrente?
Isso é possível com um mínimo de esforço, não se trata de capacidade inata ou inteligência apurada e, somente de uma técnica que é facilmente absorvida. 

O método tem base nos estudos de Harry Lorayne, americano nascido em 1926, especialista em treinamento de memória. Para Lorayne, não existe memória fraca e sim destreinada. Nesse sentido, o estudo de técnicas de memorização possibilita potencializar a capacidade de resgatar conhecimentos adquiridos.
Outra finalidade do curso seria exercitar o cérebro, provavelmente, contribuindo para minimizar patologias degenerativas. 

Justificativa
            Memorizar não se resume em simplesmente decorar e sim em técnicas para resgatar o aprendizado a ser utilizado em um determinado momento. De acordo com Lorayne, ensina-se tudo na escola, menos como se lembrar do que foi ensinado. Nesse sentido, Memorização deveria ser uma disciplina da grade escolar.

Objetivos
     Memorização de textos
     Memorização de sequências numéricas

Público alvo


Alunos/as a partir do 6º ano, professores e demais pessoas interessadas.



Nenhum comentário: